ilustração do artigo sobre computação cognitiva

O que esperar da Computação Cognitiva em 2020

Transformar dados em informações úteis para o negócio tem sido anualmente o desafio de toda e qualquer empresa. Segundo a EMC, em 2020 a alta no número de dados deve chegar em 40 mil exabytes que, em outras palavras, significa cerca de 5.000 gigabytes para cada pessoa no mundo.

Os números são vistos com bons olhos pelo segmento tech, já que há oportunidade de amadurecer e desenvolver ainda mais as tecnologias já existentes – Inteligência Artificial, IoT e Big Data, por exemplo. E para fazer a gestão desses dados de forma eficiente, a computação cognitiva pode ser um grande aliado ultrapassando a própria IA ao entregar resultados.

Resumidamente falando, a tendência hoje é tornar a máquina muito mais inteligente que o ser humano, com capacidade para realizar tarefas de alta complexidade impossíveis de serem entregues por qualquer indivíduo. E como a computação cognitiva (CC) pode ajudar as empresas a alcançarem um novo patamar no mercado de dados? Continue lendo e saiba como.

Dark Data

A CC (computação cognitiva) é a tecnologia que mais se aproxima da mente humana com o objetivo de simular o pensamento em um modelo computadorizado. Isso quer dizer que ela é capaz de aprender, raciocinar, argumentar, analisar e tomar decisões em tempo real. Além disso, ela também analisa a dark data (nome dado a informação não-estruturada descartada da análise de outros sistemas de IA devido ao excesso de dados).

Ainda nesse contexto, o mais incrível está por vir! Segundo estimativa da IBM, essas informações descartadas podem corresponder a quase 90% dos dados gerados por sensores e demais dispositivos. Ainda de acordo com a companhia, até 2020 90% de toda a informação que circula em forma digital serão compostas pela tal “dark data”.

Com essa informação, fica claro que as informações obtidas possibilita o desenvolvimento de sistemas cognitivos que consigam dar conta de todos esses dados. A partir daí, dois caminhos são possíveis: as empresas que vão se apropriar dessas informações e transformá-los em insights para o negócio e as que vão deixar ser dominado pelo mercado de dados.

Inteligência Artificial X Dark Data

O grande contraponto entre ambas está aqui. A Inteligência Artificial não faz a leitura de dados não estruturados, já o dark data sim. Então podemos concluir que, ao comparar ambas, a IA acaba levando o segundo lugar.

Apesar de ser uma forte tendência, a computação cognitiva ainda não está em ascensão devido à adesão de outras tecnologias que já estão presente em operações de muitas empresas. Por isso, a Inteligência Artificial vai continuar sendo a prioridade para muitas organizações. De acordo com um levantamento da ABES – Associação Brasileira das Empresas de Software – em parceria com a IDC, até 2023 o número de empresas brasileiras que usam Inteligência Artificial em seus negócios deve ultrapassar 30%. Hoje 15,3% do total já possuem iniciativas com o uso da tecnologia.

Benefícios da Computação Cognitiva

A computação cognitiva oferece diversos benefícios quando implementada. Ela é acessível em todas as mídias, permite a leitura de dados não estruturados, monitora sensores externos, auxilia na análise de dados e facilita a automação.

De modo geral, a partir de algoritmos de autoaprendizagem, a computação cognitiva analisa grandes volumes de dados, encontra padrões e tira conclusões precisas. Para quem quiser apostar na tecnologia, não tenha medo de arriscar, conscientize seu time sobre a computação cognitiva e seja responsável por uma completa transformação em sua operação.

Agora que você já conhece uma das fortes tendências para TI, fique atento às novidades e saiba quais tecnologias priorizar para aderir em seus processos.

Você pode gostar também:

Acompanhe as tendências do mercado!

Cadastre-se para receber nossos conteúdos por e-mail

Notícias do Mercado

Marketing em tempos de crise

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Home Office: como ser produtivo?

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Home Office: como ser produtivo?

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Vídeos

MBA Online

O virtual mais real que você já viu! O formato online da LiveU acontece ao vivo e durante as aulas é possível tirar suas dúvidas...

Prêmio Confeb 2019

Mulheres foram destaque no Prêmio Confeb 2019. Organizado pela LiveU, o evento reuniu grandes profissionais das áreas Fiscal...

Reforma Tributária

A Reforma Tributária é um dos assuntos mais em alta no país. E para falar sobre o futuro dos tributos no Brasil, Alex Leite...

Congresso LATAM

Já pensou em aplicar Inteligência Artificial nos seus negócios? Atenção, porque muita gente já começou!

Meios de pagamento

Saindo do clássico boleto, os novos Meios de Pagamento representam o jeito mais simples e tecnológico de pagamento...

Fique atualizado!

Assine nossa News e fique por dentro das principais matérias da Live University

Fique por dentro das principais tendências do mercado!