Mundo VUCA – Qual o futuro do trabalho?

Viviane Burdinski

Viviane Burdinski

Durante a Guerra Fria, o mundo viveu uma realidade de embate entre dois oponentes, o que não trazia muitas variáveis na escolha de posicionamento. Ou se estava de um lado, ou de outro. 

Já no início da década de 90, com o fim da guerra e, consequentemente da polarização, os Estados Unidos perdem a figura do “inimigo” comum. A partir daí, a luta passa a ser contra as próprias incertezas geradas pelo cenário econômico e cultural. 

É nesse contexto que surge o termo VUCA, utilizado inicialmente pelo exército americano e traz as iniciais das seguintes palavras:

  • V: Volatility (volatilidade) – Taxa de mudança , inconstante, cujo ponto de vista muda com facilidade. 
  • U: Uncertaintty (incerteza) – Resultado imprevisível
  • C: Complexity (complexidade) – Diversidade de fatores
  • A: Ambiguity (ambiguidade) – Falta de clareza

Com a chegada da pandemia, o mundo se viu em uma nova realidade. Muitas mudanças foram necessárias. Entramos novamente no mundo VUCA. E como será que isso impacta no mercado de trabalho? O que podemos esperar daqui para frente?

Pessoas, máquinas e tecnologia

 

A forma de trabalho tem mudado constantemente nas últimas décadas. E para o futuro, cada vez mais será baseado em três pilares: pessoas, máquinas e tecnologia. 

A lógica de trabalho industrial é bem diferente da digital. Na lógica industrial temos uma rigidez de estrutura e horários, linearidade de produção e empregos vitalícios. Já na lógica digital vemos uma flexibilização de estruturas, com horários flexíveis e transição de carreira. 

Para o profissional, é preciso se adequar. Novas habilidades são requeridas e essa jornada começa a ser trilhada pelo autoconhecimento. Para Valéria Duarte, analista comportamental e mentora de carreiras, “quanto mais você se conhecer e buscar seus talentos e gostos, você vai ter mais sucesso. Um médico ruim pode não ganhar dinheiro. Mas uma professora pode se tornar uma Conselheira, por exemplo”, explica. 

Entender quais são seus gostos e objetivos ajuda muito no processo de compreender quais habilidades serão requeridas para a sua profissão. É preciso se tornar protagonista da sua própria carreira e compreender que as empresas exercem um papel auxiliar e não principal no seu sucesso profissional. 

Clique aqui para conferir a palestra na íntegra!

 

Você pode gostar também:

Acompanhe as tendências do mercado!

Cadastre-se para receber nossos conteúdos por e-mail

Notícias do Mercado

Marketing em tempos de crise

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Home Office: como ser produtivo?

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Home Office: como ser produtivo?

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Vídeos

MBA Online

O virtual mais real que você já viu! O formato online da LiveU acontece ao vivo e durante as aulas é possível tirar suas dúvidas...

Prêmio Confeb 2019

Mulheres foram destaque no Prêmio Confeb 2019. Organizado pela LiveU, o evento reuniu grandes profissionais das áreas Fiscal...

Reforma Tributária

A Reforma Tributária é um dos assuntos mais em alta no país. E para falar sobre o futuro dos tributos no Brasil, Alex Leite...

Congresso LATAM

Já pensou em aplicar Inteligência Artificial nos seus negócios? Atenção, porque muita gente já começou!

Meios de pagamento

Saindo do clássico boleto, os novos Meios de Pagamento representam o jeito mais simples e tecnológico de pagamento...

Fique atualizado!

Assine nossa News e fique por dentro das principais matérias da Live University

Fique por dentro das principais tendências do mercado!