Liderança na crise

4 dicas para enfrentar os desafios da Liderança durante a Crise

Estamos vivendo um over de informações acerca de um único assunto: o Covid-19 e suas derivações. As empresas andam mais sensibilizadas com tudo que estamos passando e preocupadas com o colaborador. Antes mesmo de cobrar resultados, o desafio para liderança tem sido garantir o encantamento dos colaboradores.

O momento atual torna muito mais complexa a tarefa de motivar os funcionários para que eles permaneçam conectados com o objetivo da empresa e queiram garantir um bom desempenho de suas atividades. É muito comum que a pressão torne a tomada de decisões estratégicas um bloqueio para o líder liderar, engajar e inspirar.

Andrea Destri, fundadora da friendsBee e Conselheira da Live University, afirma que “a sobrecarga de informação impacta a capacidade de pensar estrategicamente e agir com consistência. Por isso, ficar 24h por dia grudado na TV é um bom caminho para entrar em pânico e ter dificuldade para pensar e elaborar a sua estratégia”.  

E para te ajudar nesse momento delicado, preparamos uma lista com 4 dicas dos nossos especialistas:

Empatia com os liderados

Quando engajados com o propósito e valores da empresa, os colaboradores tendem a produzir mais. É importante que o líder não tenha medo de perder seu poder, pelo contrário, que tenha empatia e confiança com os seus liderados.

E quando falamos de Home Office, o cenário se complica, pois lidar com a insegurança, ansiedade e o futuro a distância não é nada simples. Andrea Destri sublinha que “empatia é a palavra da vez. Entender a realidade da vida integral do colaborador é o primeiro passo. Outras palavras importantes são Comunicação, Priorização e Verdade”.

Construa uma relação de confiança

Precisa existir uma relação de confiança entre o líder e o colaborador. Caso algum imprevisto aconteça – seja com filhos, internet ou até mesmo oscilamento emocional pelo momento que estamos vivendo – é preciso ter um movimento de empatia.

Para que isso aconteça, líderes precisam deixar claro quais são as expectativas, fazer um processo de acompanhamento, suporte e serem transparente com seus funcionários.

Outra dica é do Marcio Cassin, professor da Live University. Antes da reunião começar, ele indica que primeiro o líder puxe uma conversa inicial mais leve. Para entender como o funcionário está, trocar desafios, problemas do dia a dia, e assim, ajudar uns aos outros a passar por essa crise.

Escolha o perfil certo de liderança

Andrea Destri explica que “a boa liderança é diferencial em qualquer contexto. A chave agora é saber que tipo de liderança sua equipe precisa. Dica de ouro: dificilmente será a do líder ‘pilhador’ e cobrador”.

A Conselheira enfatiza que no cenário atual as lideranças com perfil de adaptabilidade, que tenha conforto com a incerteza, pragmática, que crie soluções não existentes será um diferencial para guiar o time neste momento.

Check List Emocional

Você sabia que cuidar da sua própria energia para conseguir cumprir seu próprio papel é dos pontos fundamentais nesse período? Se alguma energia está te aprisionando, o conselho da Danieli Wegermann, professora de Gestão de Pessoas da Live University é alguns minutos de meditação.

Realize o mapa de empatia, reflita melhor antes de tomar uma decisão e conecte-se com o seu time para administrar melhor a equipe, porque a liderança precisa ser exercida por perfil”, ela conclui.  

O RH nunca foi tão necessário nas empresas. As demandas não param de chegar e esse é o momento para aproveitar o papel estratégico do líder, porque a certeza que temos é que responder apenas operacionalmente à crise não é a melhor estratégia.

 

Você pode gostar também:

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Notícias do Mercado

Marketing em tempos de crise

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Home Office: como ser produtivo?

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Home Office: como ser produtivo?

Todas as áreas das empresas precisam acompanhar e usufruir o que a tecnologia tem para oferecer. Esta é uma das premissas…

Fonte: Meio e Mensagem

Vídeos

Supply Talks#02

No Supply Talks#02, os hosts Alex Leite e Cássio Azevedo tiveram um bate-papo com a convidada Mônica Granzo, Founder e CEO da Smarkets.

LiveCast#62

No LiveCast#62, os hosts Henrique Gasperoni e Alex Leite tiveram um bate-papo com a convidada Mariel Orsi Gameiro, Conselheira no CARF e com o co-host Ronaldo Apelbaum, CEO e Sócio Fundador da APGI Advogados

Supply Talks#01

No Supply Talks#01, os hosts Alex Leite e Henrique Gasperoni tiveram um bate-papo com o convidado Eduardo Nishimoto, Head Comercial e BU Supply na Autopel, empresa focada em prover soluções para automação em suprimentos.

3 PRINCÍPIOS para desenvolver novas competências com Alex Leite

Discutido por pensadores e profissionais, a competência é a capacidade resultante de profundo conhecimento que alguém domina sobre certo assunto, gerando benefícios para uma pessoa ou organização. Mas você sabe como adquiri-la?

Pico-fim e a experiência do cliente com Rafael Scucuglia

A experiência do cliente, de forma resumida, pode ser definida como um conjunto de emoções vividas pelo consumidor nas interações com a empresa, produto, marca ou serviço, ao longo de sua jornada. Mas, como saber a relevância dessas interações na memória do cliente, quando precisam ser acessadas para tomar novas decisões?

Fique atualizado!

Assine nossa News e fique por dentro das principais matérias da Live University

Fique por dentro das principais tendências do mercado!

🚀 O evento começa em:

Dias
Horas
Minutos